“Nada é constante demais”

Posso dizer que foi uma necessidade quase física escrever sobre o novo disco do Bullet Bane. Nunca pensamos, ao iniciar esta revista, em fazer um jornalismo imparcial como se prega que deva ser o verdadeiro jornalismo. Escrevemos sobre nossas paixões – sem tomá-las como verdades universais, claro –, enchendo nossas páginas virtuais daquilo que nos... Continue lendo →

O Recomeço de Tim Bernardes

“Nossa arte é nossa agonia transformada em razão”. Se Bukowski estava certo, a prova disso é Recomeçar, álbum solo de Tim Bernardes, vocalista d’O Terno, uma das bandas mais peculiares do rock nacional. Lançado há pouco mais de dez dias, foi, sem sombra de dúvidas, um chute na boca de quem ainda fala que não... Continue lendo →

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑