“Nenhum de nós é tão forte quanto todos nós juntos” – 1 ano de Los Tres Caballeros

O título, creio eu, é um dos clichês mais antigos que já achei em citações que li na internet. Contudo, a afirmação é a mais verdadeira nesse momento. Um ano atrás, surgíamos com nossas ideias malucas e textos falando daquilo que nos fazia sermos quem, de fato, somos. Éramos três. E nessa empreitada que nasceu de uma conversa numa sexta, essas ideias tomaram forma.

DSC_9928.jpg
Fundadores da Los Tres Caballeros. Foto por Kas Hoshi

Tudo tomou uma proporção que nos assustou de forma rápida, e, em pouco tempo, as coberturas para shows, as críticas de filmes que eram lançamento e que também eram importantes para nós, tudo nos deu uma outra perspectiva do que fazíamos, mas nunca nos esquecendo de que tínhamos ali o espaço para falarmos o que quiséssemos. Sobre o que nos assombra, o que nos liberta, ou qualquer coisa que o valha. Éramos três, e agora, somos oito.

Quando perguntam o que falamos aqui na Los Tres Caballeros, a primeira resposta que vem à mente é: “Através dos textos, tentamos mostrar um pouco da nossa visão de mundo, e a partir disso, tentamos mudar as coisas, a partir do meio em que vivemos”. Porque, realmente, se você quer fazer diferença no mundo, não adiantar querer apenas abraçá-lo com as pernas. Um passo de cada vez, um texto de cada vez.

Não somos mais os mesmos de 1 ano atrás. Essa metamorfose que vivemos constantemente nos transforma em pessoas diferentes todos os dias, e creio que você, que está lendo isso, também muda quando lê nossas palavras.

encontro multiversos2.jpg
1º Encontro Multiversos, evento organizado pela revista. Foto por Heloisa Quadros

A Los Tres Caballeros é independente. É underground. Então, todo dia é uma luta para que mais e mais pessoas se interessem pelo que fazemos aqui. Em 1 ano, foram mais de 12 mil visualizações, mas queremos mais que isso. Queremos que sejam 30 mil, 100 mil, 1 milhão. Queremos que a nossa realidade transforme a realidade de todos que lerem esses textos que fazemos sempre com as melhores intenções. Arte, música, cinema, comportamento, quadrinhos, jogos, cultura pop.

Hoje os conteúdos são todos em formato de vídeo, podcasts, formatos mais palatáveis para quem consome. E nós continuamos escrevendo. Talvez porque escrever é o que façamos de melhor. Talvez porque não queremos deixar que esse formato entre no esquecimento. Seja como for, estamos aqui.

Por fim, quero agradecer. Aos meus companheiros: Geraldo, Carol, Luís, Amanda, Yasmin, Eric, Vinicius. Àqueles que por aqui passaram, contribuíram e, por quaisquer que sejam os motivos, seguiram para outros caminhos. E, por fim, a você, que lê os textos que fazemos.

Espere por mais de nós.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: